Entenda o que é o Aplainamento

A máquina responsável por esse processo é a plaina. Ela é fundamental para que superfícies planas sejam devidamente acabadas.

Nessa página você vai encontrar:

Informações cruciais a respeito do processo de aplainamento, que é fundamental em muitos momentos do processo de usinagem. Veja tudo a respeito disso.

Para que uma peça seja considerada perfeita, ela pode precisar de diferentes máquinas e processos antes de ser finalizada.

O aplainamento é responsável por usinar peças planas, ou ainda trabalhar com grandes extensões.

Diversas peças podem passar pelo aplainamento. Esse é um processo fundamental na usinagem de precisão, e dá um acabamento perfeito a algumas peças planas.

Entenda a importância da usinagem precisa

Qualquer irregularidade em uma peça usinada pode representar o fracasso absoluto de um projeto. Por isso, como sempre gostamos de lembrar, a usinagem exige muita precisão, cuidado e atenção.

O aplainamento pode ser reconhecido como mais uma das maneiras de tornar o processo e usinagem ainda mais cuidadoso e preciso.

Essa prática permite que o acabamento ou molde peças planas e de longa extensão seja feito de forma muito mais cuidadosa e adequada. O resultado disso são peças mais funcionais, corretas e perfeitas.

Normalmente, essa atividade é usada para usinar estrias, chanfros, rebaixos, rasgos e outras tantas peças. Em alguns casos, o aplainamento é adotado quando não é possível trabalhar a peça em outras máquinas de corte como torno ou fresa.

Essa máquina também ficou conhecida como “Chaveteira”, pois é comumente utilizada para moldar rasgos de chaveta. Devido à dificuldade de usinar essas peças em outras máquinas ferramentas, a plaina é a melhor opção.

plaina-1

Aplainamento é uma atividade cada vez mais usada para facilitar o trabalho em placas e peças planas.

plaina-2

Tipos de plainas na usinagem:

Como acontece com outras máquinas, o mercado da usinagem sentiu necessidade de adaptar a máquina-ferramenta para atender a diferentes especificidades.

Podemos citar então dois tipos diferentes de plainas: a plaina vertical e a plaina horizontal. As duas possuem estrutura semelhante, compostas por uma grande mesa, engrenagens, motor, etc. Os que as difere é o eixo trabalhado por cada uma delas.

Enquanto a plaina horizontal movimenta seu torpedo no sentido horizontal, e realiza atividades mais rapidamente, a plaina vertical trabalha o torpedo movendo-se no sentido vertical.

PRECISA DE AJUDA?

Contrate uma empresa experiente e comprometida para realizar seus serviços de usinagem!