O que é índice de viscosidade?

O índice de viscosidade é um dos aspectos mais importantes dos lubrificantes industriais, pois a resistência de um fluido à viscosidade é um dos atributos principais a serem analisados, junto com a variação e com a temperatura. Além disso, a viscosidade tem grande influência na escolha de um lubrificante, podendo ser para usinagem ou outras finalidades.

Porém, há um detalhe que confunde muitas pessoas. Qual a diferença entre viscosidade e índice de viscosidade? Neste post, iremos explicar tudo o que você precisa saber sobre esse assunto. Vamos lá?

O que é óleo lubrificante?

O óleo lubrificante é um produto utilizado para diminuir o calor, o ruído e o desgaste de máquinas, motores e outros equipamentos, consequentemente aumentando a vida útil dessas peças.

Existem aplicações variadas, podendo ser para automóveis ou voltados para indústrias. Além disso, suas propriedades necessitam estar adequadas a diferentes condições, como por exemplo temperatura, clima, tipo de serviço, entre outros fatores. E é a partir desse momento que a viscosidade entra em ação. Continue lendo:

Por que a viscosidade é importante?

Resumindo, a viscosidade nada mais é do que a resistência do lubrificante a uma determinada temperatura. Ou seja, ela é analisada a partir de temperaturas específicas, geralmente sendo 40ºC e 100ºC, pois representam a maior parte das aplicações em automóveis e indústrias. 

Devido a oscilação da viscosidade de acordo com a temperatura do ambiente, foi criado o Índice de Viscosidade (IV) para caracterizar essa variação através de números. Esse número não possui dimensão, não tem uma unidade de medida. Um IV baixo quer dizer que a viscosidade apresenta bastante mudanças, já um IV alto significa que a temperatura não influencia muito na viscosidade. Normalmente, a viscosidade varia em função da temperatura (em geral, quanto mais quente, mais fluido).

A escolha inadequada de lubrificantes pode diminuir a vida útil dos componentes, reduzir a produtividade, e gerar prejuízo no desempenho da indústria em geral. Se uma empresa utilizar a viscosidade errada do óleo lubrificante em um equipamento que funciona por várias horas no dia — quando está um pouco frio na parte da manhã e mais quente à tarde —, essa máquina provavelmente irá precisar de manutenção com uma frequência maior do que outra que usa a viscosidade ideal seguindo essas variações.

Qual o melhor tipo de lubrificante para cada uso?

Os lubrificantes que possuem alto IV são recomendados para máquinas e outros equipamentos em ambientes nos quais as variações de temperatura não são muito controladas, podendo apresentar grande diferença entre a temperatura mínima e a máxima. Já em outras situações, é necessário contar com um produto que apresenta uma viscosidade mais estável.

Multiviscosidade

Com o objetivo de reduzir a troca a cada 6 meses devido às oscilações de temperatura, os lubrificantes multiviscosidade foram criados.

Esse tipo de lubrificante possui uma viscosidade que se adapta às diferentes temperaturas — no inverno e no verão. Sendo assim, geram a lubrificação com mais eficiência, garantindo funcionamento adequado dos equipamentos.

O que é  índice de viscosidade do óleo?

Índice de viscosidade é um número sem dimensão que registra a mudança da viscosidade em função da temperatura. Para realizar esse cálculo, é oferecido normas específicas, porém, o resultado desse cálculo precisa ser comparado com óleos de referência, seguindo uma escala de 0 a 100.

Para ser considerado válido, o IV precisa ser calculado através da comparação da viscosidade do mesmo óleo em temperaturas variadas. Assim que o cálculo for concluído, ele deverá ser classificado conforme a norma usada para fazer seu cálculo. Sendo assim, quanto maior for o índice de viscosidade, mais baixa é a variação dessa medida às mudanças de temperatura.

Resumindo, quanto mais alto for o índice de viscosidade, mais estável será o comportamento do fluido. Além disso, há a possibilidade de detectar a natureza dos óleos básicos usados na formulação do lubrificante industrial através do valor obtido no índice de viscosidade. Isso se deve ao fato da padronização das medições desse número. 

Não existem limites rígidos entre os tipos de óleo, porém existe uma divisão aceitável:

Índice de Viscosidade Tipo de Produto
Abaixo de 0 Predominante aromático
0 a 40 Predominante naftênico 
40 a 80 Base mista
80 a 105 Predominante parafínico
Maior que 105 Óleo sintético ou minerais multiviscosos

É importante seguir as instruções do manual do produto, pois lá você encontrará todas as especificações necessárias do lubrificante.

Como ler as especificações de viscosidade?

Antes de tudo, é necessário analisar se as especificações do produto se encaixam com as informações apresentadas no manual. No caso de um lubrificante automotivo, o nível de viscosidade é definido pela SAE. Já no caso do lubrificante industrial, a norma responsável por definir os intervalos de viscosidade é a ISO. Sendo assim, se o manual indica que o equipamento necessita de um lubrificante hidráulico ISO Vg 68, é essa informação que precisa ser localizada na embalagem.

Conforme citado anteriormente, entender a classificação de viscosidade de lubrificante é extremamente importante para escolher a melhor opção de lubrificantes através da especificação dos equipamentos. O uso correto auxilia bastante para manter o funcionamento das máquinas, ajudando a preservar seus itens e melhorando sua vida útil, além de potencializar a gestão da manutenção.

Por fim, se você deseja receber mais informações sobre a aplicação dos óleos lubrificantes, não hesite em entrar em contato conosco, estamos aqui para ajudar!

 

 



Deixe uma resposta